MENU

3 de fevereiro de 2007 - 12:48Especulações, Notícias, Novos circuitos

Vem aí um novo Hungaroring?

A notícia do dia é esta: Bernie Ecclestone oficializa GP de Abu Dhabi.

Mais um circuito do Tilke, que será construído numa ilha artificial, junto a um parque temático, etc e tal. Tudo muito ostentoso e brega, mas tudo bem, já estou acostumado com este tipo de coisa. O problema, ao meu ver, é o projeto de traçado que foi divulgado.

O desenho não traz indicação de sentido, mas tudo leva crer que seja horário anti-horário. Mas tanto faz, indo pra lá ou para cá, me parece mesmo uma grande porcaria. Muitas curvas fechadas, uma reta gigante, não parece haver nenhum ponto veloz ou desafiador. Por ser uma ilha artificial, o terreno deve ser totalmente plano, não havendo aí possibilidades de alterações do relevo criarem dificuldades, como em Istambul.

Sei não, mas sinto que estamos diante de um novo Hungaroring.

Edit: Estou achando agora que o sentido é anti-horário mesmo. Um blogueiro anônimo observou que existe um escape bastante grande numa curva logo depois da grande reta, entre ela e a arquibancada.

Comentários do Facebook

comentários

15 comentários

  1. Anonymous disse:

    Só pra responder ao amigo blogueiro ali em cima: uma coisa é ponto veloz e outra é curva veloz. Parece que não estamos falando da mesma coisa.
    E se retas longas seguidas de curvas fechadas não trazem ultrapassagens é porque fogem a esta suposta regra os seguintes circuitos: Bahrein, Indy, França, Nurburgring, Turquia, Monza, China, Brasil e talvez algum(uns) outro(s) que me foge(m) à memória. É raro ver uma regra em que há mais exceção do que qualquer outra coisa, não acha?

  2. Anonymous disse:

    É simples, no site tem o mapa da pista, se passar o mouse por cima das bolinhas nas curvas pode-se ver o número de ordem. É anti-horário.

  3. allan disse:

    Também discordo que retas longas seguidas de curvas fechadas (especialmente com 180º) tragam ultrapassagens. Pode ser pra quem tem muito mais motor, mas mais braço… Se a curva for inclinada como o de um oval, daí tudo bem! Mas certamente não será…
    Quanto as curvas velozes, onde estão? Eu vi algo ali no meio, mas está mais para trecho sinuoso rápido do que curva veloz. Amigo, curva veloz é aquela que você faz apos um trecho de reta relativamente longo – eau rouge, 1 de interlagos, Parabolica, tamburello. Kyalami era um circuito assim.
    Ao menos, voltaremos a ter um circuito longo na F1. Mas se for pra ter fila indiana… saco!

  4. Cleber disse:

    E outra: o desenho da pista parece um revólver.

    E tenho dito.

  5. Anonymous disse:

    Não gostei. Acho que vai ser outro péssimo circuito como aquele lixo em Hockenheim.

    A única coisa que esse arquiteto fez de bom até agora foi o circuito da Turquia, e a topografia ajudou bastante. Os outros são circuitos planos totalmente sem graça. Saudades de Zeltweg, Spa e agora até de Suzuka, todas com suas curvas e topografia desafiadoras!

    Poderiam também trocar um pouco o disco, daqui a pouco todos os circuitos são desse cara!!! Seria muito bom ter variedade!!

  6. Anonymous disse:

    o circuito foi projetado para ser tanto horario como anti-horario, a FIA ainda pode decidir isso, a area de escape serve caso decidam por um sentido anti horario…
    vai saber, estao pensando até em por motoGP e formula 1 no sentido horario em interlagos

  7. Anonymous disse:

    Opa, falha minha. Eu copiei sua frase e joguei aqui e aí saí falando. Na verdade, não queria criticar o “desafiador” e sim o “veloz”. Até pq antes da primeira corrida em Istanbul, ninguém disse que a curva 8 seria tão desafiadora, ou seja, mesmo observando o mapa é muito difícil dizer se há pontos desafiadores. Olhando esse de Abu Dhabi, eu também não vejo nenhum mas espero ser surpreendido. Mas que a combinação de retão com curva fechada proporciona ultrapassagens, isso é verdade. O maluco consegue mais tração na saída da curva, entra na reta, pisa fundo, tenta o vácuo, se botar de lado eles disputam a freada lá na frente, saem baixando marcha e vai pro roda a roda. Briga vai ter, que é o mais importante e o q menos tem na atualidade. Se vai ser desafiador ou não, vamos ter de esperar. Eu repito: Não subestime o Tilke. Cada circuito que ele fez foi melhor que o anterior.

  8. Capelli disse:

    Se a combinação de retas com curvas fechadas fosse um exemplo de circuito desafiador, deveríamos replicar Avus pelo mundo. A gente sabe que não é assim.

    Sobre o sentido do traçado, confesso que ainda não tenho certeza, mas foi muito boa a observação sobre o escape entre a chicane e a arquibancada. Estou agora achando que é anti-horário mesmo.

  9. Anonymous disse:

    Acho que é anti-horário, note a área de escape no final da reta….

  10. Anonymous disse:

    “não parece haver nenhum ponto veloz ou desafiador”? Tá brincando né? A combinação de longas retas com curvas fechadas é sua especialidade. Não subestime o Tilke, rapaz. Vai ter ultrapassagens sim, pode ficar tranquilo. E vai ter muito motor ficando pelo caminho. Azar da McLaren

  11. Belenos disse:

    Capelli, lá no Grande Prêmio tem um texto onde o Bernie diz que a topografia vai ser modificada. Então, tem sim subidas e descidas, mas eu acho que não serão tão acentuadas…

    Essa pista, parece até que jogaram a maquete da Malásia no chão e montaram fora da ordem. Que desenho de mal gosto!

  12. Anonymous disse:

    O detalhe mais importante o traçado lembra uma pistola automatica!!! repare no desenho!!

  13. Gabriel disse:

    Vocês estão sendo precipitados. Tem curva de baixa e da alta também. a região do grampo antes do retão e depois dele parecem ser boas para ultrapassagens. A graça não é fazer pista que jogue o piloto no muro, e sim que permita que os carros andem lado a lado por 2 ou mais curvas (ou seja, ULTRAPASSAGENS!).

  14. Rodrigo disse:

    Muito ruim… parece mesmo bem lento e enfastiante.

    Muito curioso isso! Se investem tanto dinheiro, podiam fazer algo melhor! Bonito (Esteticamente) deverá ficar, mas o bonito DE VERDADE deveria ficar dentro da pista, com uma prova emocionante.

  15. Herik disse:

    Credo! Dá para reconhecer uma pedaço da cada uma das “obras de arte” anteriores do tal Tilke neste “novo” traçado. Uma curva de raio grande como o novo Hockkhein – não sei como se escreve -, um cotovelo como o da Malásia, Retão como a China… Será que não tem outro cara para desenhar circuitos?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>