MENU

14 de setembro de 2008 - 11:56Curiosidades, Estatísticas, História

Outra vez, o pódio mais jovem da história


Pela segunda vez no ano, o recorde de pódio mais jovem da história da Fórmula 1 foi quebrado. No GP da Alemanha, o pódio composto por Lewis Hamilton, Nelsinho Piquet e Felipe Massa teve a mais baixa média de idade da história, com 24 anos, 7 meses e 1 dia.

No GP da Itália, menos de dois meses depois, Sebastian Vettel, Heikki Kovalainen e Robert Kubica atingiram uma nova marca histórica, com média de 23 anos, 11 meses e 16dias.

Dos quatro pódios mais precoces da história, três aconteceram em 2008: Alemanha, Itália e Mônaco. O terceiro do ranking é o GP da Hungria de 2003.

Comentários do Facebook

comentários

7 comentários

  1. Anonymous disse:

    Vibrei muito com a vitória desse menino, assim como vibrei no ano passo com o Lewis Hamilton e com o robert Kubica esse ano. quero dizer com isso que torço para eles? Sim, mas prefioro torcer por pilotos brasileiros. Principalente o Massa. Vibrei sim, por causa de nova safra de pilotos que vai dar bons frutos e excelentes corridas daqui pra fente.
    Abraço a todos.
    Paulo Santos/RJ

  2. Anonymous disse:

    Qual foi o pódio do GP da Hungria 2003?

    (Desculpem-me se já tiver sido citado no Blog).

  3. Anonymous disse:

    Faltaram na lista Berger e Irvine!!!

  4. Jaison disse:

    O Blog é sobre Automobilismo e apegado as estatísticas. Parece que temos um Alienado da Objetividade.
    Não leio Nelson Rodrigues e nem vou ler, tenhos outros livros de Jornalistas de verdade para ler antes.
    Sei lá tu deves ser mais uma vitima da “globalização” e da Galvanice que enxerga tudo através da concepção charlatanice que o Brasil é o tal na F1.
    Para ti sugiro que leias o Verissimo e o “Analista de BAgé”, quem sabe arranjas uma consulta para ti e o Nelson(O Analista diria que o Nelsom sofre do mal de Édipo).
    Mas eu compreendo seu nervosismo afinal pelo seu perfil vejo que tens um blog sobre automobilismo e leio lá uma tese sobre pós Schumacker e meu comentário aqui com meia dúzia de números resumiu tudo. Se eu soubesse que tinhas escrito aquilo eu deixava para você o monopólio da Objetividade. Bom ter lido sua tese pois acabei lembrando que o Fisichella também venceu na era Schumacker.
    Bom finalizando pedindo desculpas para o proprietário do blog e para os demais leitores deste Blog por ter que responder deste modo fugindo ao proposto deste blog que é automobilismo.

  5. Bruno disse:

    O Capelli. bacana podio mais novo e talz. É uma indicação forte da nova geração, ou melhor, de renovação. Mas quais são os pódios mais velhos?! Mansell, Prost e Piquet?!! C bem q Fangio e Brabham correram bem mais tempo então deve ser na época deles. E ae?!!

  6. Daniel Médici disse:

    A geração video-game ganhando espaço, definitivamente.

    Acima, podemos contemplar o fantástico esforço de um idiota da objetividade. Obrigado, Jaison. Leia Nelson Rodrigues para saber o que significa ‘idiota da objetividade’.

  7. Jaison disse:

    Alô seu Capeli me confirma uma estatistica na era Schumacker entre 1994 e 2006 tivemos 16 vencedores de Gps diferentes? e Pós Schumacker em 2007/2008 já tivemos 7, ou seja 50%
    Veja Só de 94 a 06.
    Schumacker
    Hill
    Villeneuve
    Cultard
    Villeneuve
    Fretzen
    Panis
    Alesi
    Button
    Barrichello
    Raikkonem
    Massa
    Alonso
    Montoya
    Ralf Schumacker
    Mika Hakkinem

    E em 07/08
    Hamilton
    Massa
    Raikkonem
    Alonso
    Kubika
    Vettel
    Kovalain

    Em 2 anos pós Schumacker, já temos quase 50% de vencedores que o total da era Schumacker. em 2 anos 50% de 12!! Uma pequena impressão do que foi o Schumacker.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>