MENU

14 de setembro de 2008 - 11:34Análises

Positivo e Negativo – Itália

Positivo: Sebastian Vettel e Toro Rosso, obviamente. Fizeram o improvável numa corrida histórica. Nota 11.

Negativo: David Coulthard. De vexame em vexame, encaminha uma triste aposentadoria.

Comentários do Facebook

comentários

5 comentários

  1. Pedro disse:

    Ponto negativo: O Massa por largar em sexto e chegar em sexto

  2. João Rodrigues disse:

    Se Räikkonen ganhou o do ano passado por sorte, perdeu outros 2 por azar! E só não vê quem não quer que hoje ele tinha o carro afinado para piso seco, como se viu na parte final da corrida onde ultrapassou pilotos que não tinha conseguido ultrapassar enquanto tinha pneus ‘full wet’.

    Hamilton apesar da excelente corrida que fez perdeu pela indecisão da McLaren na escolha da estratégia aquando da 1ª paragem. Apostaram que ia chover mais e que ele não necessitava de parar novamente e então encheram o carro com demasiada gasolina. Talvez tenha perdido aí o lugar para Massa.

  3. Bruno Lemos disse:

    O Raikkonen ganhou o campeonato do ano passado por “sorte”. Não fosse a ultrapassagem de Kubica sobre o Alonso a história teria sido diferente…

    Mas voltando ao campeonato atual: o Massa está muito mais maduro do que no ano passado e o Hamilton também.

    Mas, mesmo tendo arriscado muito neste GP da Itália, o Hamilton tem talento para bancar riscos altos.

  4. Diego Borges disse:

    …o Vettel não passa a ser uma Alternativa para nenhum outra equipe?..contratações para daqui 2 anos?..se não me engano, tenho uma vaga lembrança dele ter assinado + 1 ano com a STR, mas em 2010?..BMW ou McLaren não seria uma alternativa para se analisar para o Alemão?..(BMW que é alemã também parece interessante).

    E a Honda?…o que aconteceu de errado de 2006 pra cá? Me perguntei bastante sobre isso durante o GP de Monza, que triste.

  5. Daniel, digo, Danilo disse:

    Eu colocaria também como negativo o Raikkonen, o único dos grandes que saiu lá de trás e não marcou pontos, além de ter tomado um passão “totoso” do Hamilton no começo da corrida (outro, aliás, pois ano passado tomou um ali mesmo em Monza, em Spa mais um…).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>