MENU

12 de setembro de 2009 - 10:50Análises

Rapidinhas da classificação: Itália

Foto: Divulgação/DaimlerChrysler

Foto: Divulgação/DaimlerChrysler

- Confirmando a boa fase da McLaren, pole position para Lewis Hamilton. Mas, mais do que mostrar a evolução da equipe prata, o circuito de Monza faz é uma bela propaganda da Mercedes. Esse motor empurra muito.

- Dos sete primeiros no grid, seis são equipados com os motores alemães. A exceção é Kimi Raikkonen, de Ferrari, em terceiro lugar.

- Isso ajuda a explicar a surpreendente segunda posição no grid de Adrian Sutil, com a Force India. Vitantonio Liuzzi, retornando à F1, também vai largar muito bem, em sétimo. Mas a ascensão da equipe indiana não se justifica apenas pelos motores. Alguma coisa descobriram no carro, que vem andando até à frente da Brawn.

- E enquanto a gente se surpreende com os indianos, a briga pelo campeonato corre solta em equipes outrora dominantes e agora estranhamente relegadas a segundo plano: Brawn e Red Bull. Mais sem segundo plano estão os touros vermelhos, que parecem incapazes de repetir o domínio dos GPs da Inglaterra e Alemanha. Vettel e Webber dividirão apenas a quinta fila, em nono e décimo, respectivamente.

- A Brawn vem conseguindo se manter em um grau de competitividade maior, mas sem nem de longe relembrar o domínio avassalador da primeira metade do campeonato. Perdeu fôlego e agora administra a vantagem, embora até tenha alguma chance de vitória caso esteja com os carros pesados, com estratégia de apenas uma parada. Barrichello vai largar em quinto e Button em sexto. Quando sair a relação de pesos dos carros, vamos descobrir.

- Na contramão dos motores Mercedes, estão os Toyota. Três de seus quatro carros – Rosberg, Nakajima e Glock – caíram já na primeira degola. E Trulli conseguiu uma 11ª posição na base da superação. O resumo é que os japoneses com sede em Colônia raramente acertam alguma coisa na Fórmula 1.

- Quem também não acertou uma hoje foi a BMW. Seus dois carros tiveram problema de motor e abandonaram no Q2. Kubica larga em 13º e Heidfeld em 15º. Mas isso se não tiverem que trocar de câmbio, pois aí perderão posições no grid.

- Giancarlo Fisichella vem fazendo uma estreia, de certa forma, decepcionante. Se comparado com Luca Badoer, está sendo infinitamente melhor, mas se levarmos em conta seu brilhante desempenho em Spa com a Force India, ficou devendo. Bateu no treino da manhã e fez apenas o 14º tempo na classificação. Mas levou só meio segundo de Kimi Raikkonen no Q2, o que não é de todo ruim.

- E a Renault, debaixo de escândalos, faz o de sempre. Alonso em oitavo e Grosejan numa boa 12ª colocação. Mas certamente o time está muito mais preocupado com o julgamento do dia 21 do que com as próximas corridas.

- Para a corrida amanhã, deve dar Hamilton com a McLaren. Porém, o risco reside em Adrian Sutil, que sai ao seu lado na primeira fila sem ter o costume de andar na frente. A largada em Monza é sempre complicada, com uma primeira curva estreita demais onde sempre sobra alguém. Se conseguir fugir ileso do jovem alemão, tem tudo para disparar para a vitória. A menos que as Brawn surpreendam na estratégia.

- A prova promete ser boa, principalmente se chover.

Grid: GP da Itália 2009

Comentários do Facebook

comentários

28 comentários

  1. Ron Penis disse:

    Será que tô ficando loco? O Rubão não vai sair em décimo depois da troca de câmbio? e o Button não sai em 12°? Esse grid não está todo micado?!? Alguém me explica antes que eu perca os últimos fios de capelli, plis!

  2. [...] depois da classificação de Monza eu fiz o seguinte comentário no blog do competente jornalista Ivan Capelli, tentando suavizar as críticas a Fisichella naquele momento: “O Fisichella não iria piorar [...]

  3. Aless@ndro disse:

    Pois é, Kovalento até com boas estratégias em uma Mclaren dá vexame. E assim que nem choveu. Cadê o KERS na largada??? Pô, os carros passando o Kovalento até nas retas. Está ocupando espaço de um piloto que poderia demonstrar talento em uma equipe de ponta.

  4. Iron disse:

    Rubinho de novo!!! Agora o cara tá com muita confiança e muita determinação!!! Pode até não ganhar o campeonato (são 14 pontos faltando 4 corridas) mas com certeza ele está queimando a minha língua. A performance dele nas últimas três corridas lembra muito Senna e Schumacher – vou explicar – a Brawn hoje não tem o melhor carro, no máximo eles tem um carro competitivo junto com McLaren e Ferrari e mesmo assim ele tá tirando “leite de pedra”. O homem tá andando muito!!! Impressionante a tática de box e o ritmo de corrida que ele impõe. Ele sabe o caminho das pedras além de ser um grande acertador de carro (por isso ele ficou 6 anos na Ferrari ajundando o “Queixada”). Na minha opinião, o fato do Button ser inglês pode ter influenciado no início do campeonato uma certa preferência por ele, e por isso essa grande vantagem a favor do nosso Jenson. Mas, como diria o Felipe Massa, o Rubens tinha a convicção que ainda tinha muito a fazer na F1 e de fato ele faz uma grande temporada. O Vesgo mais o Casseta vão ter que dormir com essa !!! Um abraço!!!

  5. FELIPE disse:

    q campeonato!!!

    acertei! barrica levou… kova nao ganha mais nada. pô, o cara pesado consegue ir mal desse jeito. ele bota pressao no começo e depois desanda. nem com o KERS na largada ele nao faz nada.

  6. Aless@ndro disse:

    Becken, agradeço o seu esclarecimento. Logicamente o Fisichella não é um piloto top, mas vou deixar as minhas conclusões para mim mesmo. Eu já havia comentado antes em outro blog que Fisichella realmente teria que se adaptar ao novo monoposto, mas as conclusões finais, ao meu ver, não podem ser dadas da noite para o dia.

  7. Becken disse:

    Eu acho que há algumas diferenças entre o Liuzii e o Fisichella que precisam ser ditas.

    O Liuzzi conhecia o carro, fez testes em linha reta, ele foi o primeiro a pilotar o carro no lançamento em Silverstone e ele se preparou para esse final de semana em simuladores com os dados do carro carregados no simulador. Ele, mesmo longe da F1 por algum tempo, competiu em outras categorias, como A1GP e isso fez muito bem para ele, que está claramente em forma.

    o Fisichella não iria piorar de Spa para Monza. Monza é um circuito relativamente fácil, pouco técnico. O grande desafio é a Parabólica e o complexo da De La Roggia. Só. O resto e acelerar na reta e marcar um om ponto de frenagem. Acabou Monza.

    No caso do Fischella, ele teve apenas uma semana para se familiarizar com um carro que nunca viu, com um volante cheio de botões que mais parece uma nave espacial e tendo que aprender com se freia no F60, por que com o KERS, os pilotos enfrentam mais resistência no pedal para que o sistema se recarregue.

    Portanto, a questão não é tão simplista, é compelexa, assim como é complexo o F60.

    Essa dificuldade enfrentada por um veterano, mas em forma aos 35 anos e em atividade, é uma boa amostra de como seria dificilímo para o Schuamcher — um quarentão aposentado há três anos, com uma lesão no pescoço, sem conhecer picas de um carro ultra-moderno — sentar no F6 e competir no mesmo nível que um piloto top, um dos melhores em atividade na F1, como o Kimi.

    Então, o Fisichella está fazendo um bom trabalho dentro de suas possibilidades e o Liuzzi também.

    São dois grandes pilotos.

  8. FELIPE disse:

    realmente william…

    errei. barrica ta beeem pesado

    Fisichella foi muuuito mal. é o mais leve dos 10 ultimos, na media de uns 10 kg a menos q os demais
    Dos que vao largar na frente, Barrica, Button e Kova sao os mais pesados, respectivamente.
    se a Brawn “deixar” e tudo der certo/nada der errado, eu acho q o Barrica leva.

  9. ander disse:

    A questão é,será que o cambio do Rubens aguenta?
    Esse mesmo cambio foi afetado no incêndio no fim do GP de Spa!

  10. Dionisio disse:

    Você não deve ter visto a entrevista do Rubinho no Sportv quando ele explicou que as características aerodinâmicas fariam eles voarem em SPA e em Monza. E depois eles voltam a comer grama com a Toro Rosso.

  11. Felipe Playmobil disse:

    - Hamilton não ganha.

  12. Andersson - RS disse:

    Capelli… Estou fazendo um trabalho de faculdade (jornalismo) sobre informação digital, e estou analisando o teu blog. Tipo, conteúdo, multilinguagem, qualidade de texto, informação, interatividade, design, etc. Como este é um dos melhores blogs que conheço, e um dos poucos que comento, gostaria de algumas informações: Será que tu me passaria?

    Quantos acessos tem o teu blog anualmente?
    Já ganhou premios?
    se ganhou, quais e quantos?

    Desculpa a intromissão…
    São apenas informações complementares. O grosso do conteúdo do trabalho é opinativo. Então, se puder responder, tranquilo. Se não der, Tudo bem.

    Desde já agradeço.
    Abraço!

  13. Aless@ndro disse:

    Pois é, Lucas; isto me encabula. Notem que Liuzzi só não conseguiu uma posição ainda melhor por estar largando 24,5kg mais pesado que o companheiro de equipe Sutil. Um piloto que não estava na ativa, em uma temporada onde os testes são proibidos, estreou como titular bem melhor do que Fisichella pela Ferrari. O que me encabula mais ainda é o fato de Fisichella dizer que ele está penando mais apenas com a posição dos botões e uso do KERS. Em outras palavras, ele não reclamou do carro.

  14. Roberto Taborda disse:

    Se.. SE o Rubens conseguir passar ao menos o Kova na largada… a COISA FICA MUITO BOA!!!!

  15. Juliano Lima disse:

    Rubinho larga do lado limpo, pena que, quem não tem kers, é o Sutil e tá lá na frente…
    O Liuzzi, vai pegar alguém na largada!
    Alonso tem kers!!!

  16. Lucas disse:

    Kovalainen pesado! Será que vai surpreender amanhã?

    E foi muito bem o Liuzzi. Esse carro da Force India deve ser muito mais fácil pra se acostumar do que a Ferrari né?

  17. Rodrigo disse:

    1. Lewis Hamilton, McLaren, 653.5kg
    2. Adrian Sutil, Force India, 655
    3. Kimi Raikkonen, Ferrari, 662
    4. Heikki Kovalainen, McLaren, 683
    5. Rubens Barrichello, Brawn GP, 688.5
    6. Jenson Button, Brawn GP, 687
    7. Vitantonio Liuzzi, Force India, 679.5
    8. Fernando Alonso, Renault, 677.5
    9. Sebastian Vettel, Red Bull, 682
    10. Mark Webber, Red Bull, 683
    11. Jarno Trulli, Toyota, 703
    12. Romain Grosjean, Renault, 699.8
    13. Robert Kubica, BMW Sauber, 697.5
    14. Giancarlo Fisichella, Ferrari, 690
    15. Nick Heidfeld, BMW Sauber, 697.5
    16. Timo Glock, Toyota, 709.8
    17. Kazuki Nakajima, Williams, 706.2
    18. Nico Rosberg, Williams, 708.6
    19. Sebastien Buemi, Toro Rosso, 706
    20. Jaime Alguersuari, Toro Rosso, 706

  18. Felipe Maciel disse:

    Bem, eu já esperava um ritmo razoável do Fisico na Itália. A começar pelo desempenho que ele demonstrou em anos correndo em time grande. Mas é cedo para julgar.

    O principal fator neste caso é que ele tá se adaptando a um carro que nunca tinha guiado antes. Depois melhora, mas acho bem improvável que um dia consiga desafiar um piloto do porte do Kimi.

    Além do mais, o ocorrido em Spa não pode ser tomado como regra; o cara chegou lá porque achou um bom acerto de um carro que se tornou realmente muito bom. Fisichella não virou gênio de uma corrida pra outra. Na certa tem uma penca de pilotos melhores que ele no grid, a Ferrari não se encantou com a performance dele uma única corrida, a única coisa que pesou para a Ferrari escalá-lo foi o fato de ser o próximo test driver de Maranello. Ninguém melhor para assegurar a vaga do Felipe sem tentar provar que merece um cockpit titular.

    Seria legal se o Kubica fosse escolhido, mas aí geraria uma pressão que a equipe quer evitar. O difícil agora vai ser fazer sustentar o 3º no campeonato frente à McLaren. São só 12 pontos neste momento. Se por exemplo pintar dobradinha da McLaren e o Kimi for terceiro colocado em Monza, Ferrari e McLaren empatam. Até o fim do Mundial, a McLaren vai ter chance de sobra para passar a rival entre os construtores.

  19. Marco disse:

    Capelli, é impressão minha ou os comentaristas se sentem muito desconfortáveis em apontar que o mítico motor Ferrari preparado para essa temporada é bem mixuruquinha?
    Para massacrar o pífio desempenho do concorrente nipo-germânico (ou teuto-japonês?) Toyota, não faltam argumentos, mas para dizer que a Toro Rosso – Ferrari fechou o grid e o Fisichella (que era tachado de brilhante depois de Spa) só passou para o Q2 para fazer figuração de luxo, não apareceu qualquer paladino.
    Penso que isso explica, ao menos em parte, a inexplicável performance do Badoer. E me lembro que no começo do ano, nos testes pré-temporada, o Massa estava bastante satisfeito com as solução aerodinâmicas apresentadas pelo time de Maranello frente as mudanças no regulamento.
    No mais, continuo fazendo figa pela Force Índia, apostando minhas fichas no tedesco-uruguaio Adrian Sutil (bairrismo por bairrismo, vale a remissão de que ele é “quase” sul-americano rs…) e no surpreendente e não menos latino Liuzzi.
    Arrivederci!

  20. pra mim o rubens deve estar leve.

    Engano seu. Barrichello está pesado e vai para apenas uma parada!

  21. FELIPE disse:

    hum… eu axo q vai dar outro vencedor duferente…

    pra mim o rubens deve estar leve. force india tambem deve estar leve. mas só isso nao justifica a surpresa… eu acho que vai dar hamilton. na outra corrida ele fez tudo direitinho e a mclaren fez besteira. duas besteiras tao proximas só a ferrari é capaz de fazer.

  22. Felipe Fugazi disse:

    O acordo da Force India com a Mclaren Mercedes não vai além do fornecimento do motor e cambio?
    Não inclui tambem inclui partes aerodinamicas?
    Partes essas que aparentemente se encaixaram muuuito bem no carrinho asiatico, talvez até melhor que nos prateados porque eles estão andando muito.
    E mais uma coisa Capelli, e essa história de que a Mercedes está pensando em comprar a Brawn, ela procede?
    Podemos ter quatro carros prateados ano que vem?

  23. Vamos esperar a relação dos pesos, mas eu acredito que o Raikkonen possa fazer uma boa prova novamente.
    É provável que faça com o Sutil o mesmo que fez com Fisichella em Spa e cole no Hamilton já no início.
    Acredito que a estratégia do Rubinho seja boa. Tomara porque dos quatro carros à frente dele, três possuem KERS. Será quase impossível passar!

  24. Igor Benko disse:

    Cade a relação dos pesoooooooossssssss?
    aposto que vai dar raikonnen e rubinho na cabeça.

  25. Leandro Neves disse:

    Capelli, acredito que Hamilton, Sutil e Raikkonen estão bem para a prova, mas os dois carros da Brawn certamente estarão na briga por estarem muito pesados. A diferença de tempo do Q2 para o Q3, para ambos, foi de 2 segundos. Só Mark Webber, que larga em décimo, teve uma diferença de tempo tão grande.
    Se cair um dilúvio, como está caindo agora na primeira prova da GP2, a Brawn vai levar mais vantagem ainda, pois poderá permanecer mais tempo na pista para escolher a melhor estratégia.
    Rubens tem chance sim de descontar mais pontos de Button nesta prova.

  26. Sérgio disse:

    O carrinho das índias tá andando muito ultimamente. Mas não deve permanecer assim até o fim do campeonato.

  27. Capelli disse:

    Pitacos sobre o treino lá no blog. http://bit.ly/14zr5E

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>