MENU

19 de janeiro de 2007 - 12:52História, Vídeos

Naftalina – parte III

O blogueiro Mario Jorge Dourado enviou este vídeo histórico: o programa Sinal Verde do dia 8 de maio de 1982, com matéria de Reginaldo Leme anunciando o acidente e a morte de Gilles Villeneuve.

Para quem é mais jovem e não conheceu, o Sinal Verde era um programa que a Globo exibia nos sábados que antecediam as provas do Mundial de Fórmula 1, entre a novela das seis e das sete. Na época, os treinos de classificação não eram transmitidos para o Brasil e era neste programa que ficávamos sabendo o que tinha acontecido no sábado e qual era o grid de largada para a corrida do dia seguinte.

Quando as transmissões ao vivo do qualifying começaram, em 1991, o programa foi perdendo seu charme e foi parar até na madrugada de sábado para domingo. Acabou extinto no final dos anos 90.

Comentários do Facebook

comentários

12 comentários

  1. Glaucia Vecci disse:

    Ninguem fala mais Jochen Mass também não deu passagem para Gilles Villeneuve,sera que em um treino em que se atinge velocidades virtiginosas o juizo não fala mais alto para se dar passagem a um adverssario? (ele ficou no meio do traçado).Quanto a Didier Pironi eu acho que ninguem tem duvidas que foi de um tremendo mau caratismo o seu ato em imola,o certo era até mesmo demitilo.

  2. Alguem tem esse video? Poxa Essa FOM anda deletando tudo, querem nos privar da “verdade”.

  3. Speed Arosi disse:

    Muita coisa boa], Globo engoliu, pois apesar de ver os trainos classificatórios, seria bom,ter um resumo, o grid com alguns comentários, e mosmo entrevistas dos pilotos que falma após os treinos.

  4. felirrari disse:

    Eu tb sou de 85 e sinto muito por Gilles, mesmo naum acompanhando a carreira dele… Apenas pelos videos

  5. eduardo s sp disse:

    é Capelli, lembro disso porque em 2000 eu levava o Playstation pra sala nos fins de semana, jogava até quase meia noite, e depois passava pra lá pra ver esse “resumo” gostava dele, desse “Sinal Verde” eassim como outras “oitentices” (como todo filho da década de 80, sou de 85)

  6. Capelli disse:

    Eduardo, acho que foi por esta época mesmo.

  7. Vic Menezes disse:

    Trata-se do Minuto F1, Belenos. Que em 2007 deverá vir a todo vapor, já que temos um brasileiro (ou até mesmo dois) com chances reais de título.

  8. Belenos disse:

    Falando nisso, qual o nome daquelas chamadas de 3 minutos que a Globo passa durante a pré-temporada, todos os dias, depois do Jornal da Globo? Por sinal, ainda não começou a passar esse ano…

  9. eduardo s sp disse:

    Capelli, creio que o programa “Sinal Verde” foi extinto em 2000, quando já passava de madrugada, conforme voce falou

  10. clebio bahia disse:

    eu lembro desse programa, mas era tão pequeno que raramente assistia, pra não dizer nunca, mas com todo o charme q ele pudesse ter, poder ver os treinos é beeeeeem melhor!!!!
    e q o gilles esteja em um bom lugar!

  11. Belenos disse:

    A morte do Gilles foi uma grande perda para o automobilismo e para mim, que não pude vê-lo correr…

  12. Marcog disse:

    Nada contra o Sinal Verde, também adorava o programa qdo era moleque.

    Mas, não me esqueço da emoção que foi assistir pela primeira vez um treino de sábado pela TV. Lembro até hoje do Piquet esperando, em “marcha-lenta”, o fiscal liberar a pista. Aquele ronco grosso de motor, com as imagens da câmera on-board. Ele descendo o “S” devagarinho, esquentando pneu, antes de abrir volta.

    Aliás, a primeira vez que transmitiram a imagem de uma on-board também foi um espetáculo à parte.

    Anos depois, o mesmo Piquet foi o responsável por me ensinar a fazer punta-tacco, assistindo a transmissão do FIA GT, qdo ele correu em Brasília de McLaren F-1. A Câmera ficava situada logo atrás do banco, em um ângulo em que você podia observar todo o trabalho de mãos e pés do piloto, vendo a pista pelo pára-brisa. Eles alternavam a imagem entre o carro dele, e outro piloto que vinha numa F-40. A diferença de tocada era absurda, e foi aí que entendi o motivo pelo qual o Nelson sempre foi tão elogiado pela forma como poupava o carro. Realmente, parecia um mecânico dirigindo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>