MENU

2 de fevereiro de 2008 - 17:51Análises, Novos carros

Recorde Mundial de Penduricalhos


Observando as fotos dos treinos em Montmeló, me chamou a atenção, por este ângulo, o excesso de apêndices aerodinâmicos do carro-veado da BMW. Alguém já viu outro modelo tão cheio de penduricalhos, chifres e ferrões?

Esta aberração só exemplifica o cenário da F1 atual: com motores congelados, pneus raiados e com pouca aderência mecânica, as equipes atiram-se ao refinamento aerodinâmico como única forma de melhorar performance. O saldo disso? Carros perfeitos com pista livre, mas que começam a perder rendimento com qualquer turbulência logo à frente, ainda que o adversário mais próximo esteja a 300 metros de distância.

Carros cheios de aletas e penduricalhos são sinônimos de corridas sem ultrapassagens. E é justamente este o motivo que me faz aguardar ansiosamente uma Fórmula 1 de aerodinâmica limpa em 2009. Ninguém deseja que o topo do esporte a motor se transforme numa competição de chassis únicos ou totalmente padronizados, mas alguma coisa precisa mudar para que haja o retorno das disputas, das ultrapassagens, de corridas que não sejam vencidas porque alguém pegou o ar mais limpo (lembram do último GP da França?). Pneus slick – maior aderência mecânica – e carros de desenho limpo – menos eficiência aerodinâmica – podem ser o caminho. É um alento.

Comentários do Facebook

comentários

30 comentários

  1. MilfordMaia disse:

    Concordo contigo, Capelli. Esta F-1 de 2008 é o oposto de tudo o que Max Mosley apregoa.

    Parabéns pelo blog e pelas ilustrações!

    Forte abraço!

  2. Speed Arosi disse:

    Ridiculo é pouco, mas como todo mundo sabe, carro bonito é o que ganha corridas, mas não parece ser o caso destes carros alegóricos, que não devem começar uma corrida sequer com esse monte de “asinhas”, piois se uma delas se soltar, pode matar um.

  3. bailascomigo disse:

    A galera continua sem entender o lance dos penduricalhos… Em resumo, e isso vale ao Capelloto, também, o problema não é dos pneus raiados nem dos motores congelados. O maior é dos freios, de extrema eficiência que não deixam o piloto modular, como acontecia com os discos de aço. Por isso não vemos ultrapassagens como a do Gilles no Arnoux em Dijon 79 e do Piquet sobre o Senna em Budapeste 86. As outras são o estreitamento da bitola traseira (ficando a parte traseira mais estreita que a dianteira), melhorando a aerdoninâmica e diminuindo a produção do vácuo, e o levantamento do bico ou spolier dianteiro, onde o carro não tem como “pregar” no chão como ocorria até 1994. Basta ver que hoje nenhum carro “raspa” seu fundo no asfalto, e isso contando com uma placa de madeira entre o assoalho e o chão! Resolvam isso e veremos o que queresmo ver…

  4. andre disse:

    concordo plenamente que a aderência mecânica gera mais ultrapassagens. mas será que os carros não ficariam rápidos demais, colocando em risco a vida dos pilotos? aí a FIA seria obrigada a diminuir a potência dos motores. fórmula 1 sem controle eletrônico e sem motor potente me parece um atraso tremendo. voltar a ter o espetáculo da década de 80 é fácil, basta exigir que os carros sejam iguais aos da época.

  5. Kimballs disse:

    Aff…… q coisa ridícula!!

  6. Edson disse:

    Sugestão! Por que não lembrar de alguns modelos com penduricalhos ou similares em toda a nistória da F-1? Poderia inclusive abastecer a seção “Do Baú”, Por exemplo: Lembro-me que ao final dos anos 90 apareceu algo como se fossem uns pequenos spoilers bem altos…Inclusive a Ferrari chegou a usar o tal artifício em algumas corridas. Ciao!!

  7. Thiago Leonardi Chiaremonti disse:

    Isso ta mais pra carro-origami.

  8. Rodrigo disse:

    http://victal.zip.net/arch2008-01-01_2008-01-31.html

    Para quem quiser, ta lá no final dessa página.

  9. Rodrigo disse:

    Para quem perguntou se existe algum “modelo” para 2009, o Victor Martins publicou no blog dele há um tempo atrás uns estudos que a própria BMW fez para o carro de 2009.

    Vale dar uma conferida, ficou bem interessante.

  10. Igor Otoni disse:

    Gente gente… antes de criticar quem nos abastece com informações, vamos estudar um puquinho de interpretação de texto, por favor!
    Em nenhum momento foi dito que os penduricalhos não possuem função, e sim que a dependência da fórmula 1 atual em níveis absurdos de refinamento aerodinamico (o regulamento técnico atual limita muito a aderencia mecanica)leva os engenheiros a buscar recursos para que seus carros consigam estabilidade.
    O Grande problema e a grande questão desse post é como a aplicação desses recursos interfere em ritmo de corrida, onde a turbulência interfere nessa area, e em consequencia, obriga os pilotos a evitarem se aproximar dos outros carros, o que leva à diminuição no número de tentativas de ultrapassagem.
    Então me pergunto: Isso é corrida? Então passa a ser mais interessante ver os carros andando sozinhos e buscando tempo do que as disputas que esperamos assistir. Esse é o grande ponto.
    Eu quero ver corrida!
    Vamos manter a educação e o respeito. E quem não concordar, que fique a vontade para não acessar o espaço!

  11. Magnus Fuchs disse:

    é praticamente uma carro cabide

    tem espaço suficiente para pendurar casacos, camisas, calças…..

    e dependendo do desempenho carro e piloto vai servir para pendurar as luvas

  12. Anonymous disse:

    Hehehehe, carro porco-espinho foi a melhor de todas!!!

  13. Anonymous disse:

    Capelli… saindo das brigas aí dos comments:

    Como ficarão os carros em 2009? Me refiro se há algum modelo já pre-estabelecido, ou se eles vão ficar semelhantes aos de alguma temporada passada.

  14. Capelli disse:

    Pessoal, é isso mesmo. Opinião é opinião e todo mundo tem o direito de discordar. Porém, eu sugiro que, antes de discordar, a pessoa no mínimo leia o que foi postado.

    Quem escreveu com mais agressividade certamente não leu toda a postagem, pois partiu de premissas incorretas, que uma rápida lida no post já resolveria.

    Para manter o bom ambiente, os dois comentários grosseiros foram removidos. Liberdade com responsabilidade, certo?

    Abraço,

    Capelli

  15. Eric disse:

    É o carro porco-espinho, não veado. Quero ver… daqui a pouco os pilotos nem conseguem entrar nos carros sem se espetar. Faz lembrar até a proteção de espuma que a Ferrari, se não me engano, colocou uma vez em um de seus modelos no box, para evitar acidentes. Eu quero é ver um carro desses ganhando corridas, porque pouco importa a aparência, o que vale é o resultado.

  16. Edson disse:

    Nada a ver com os penduricalhos … A hnda está apanhando feio nos treinos em Barcelona, gostaria muito que eles estivessem escondendo o jogo mas não é o que parece…

  17. Anonymous disse:

    Gente, opinião é opinião. Partir para a agressividade não leva a lugar nenhum. Eu particularmente não gosto muito desses desenhos com esses “penduricalhos”, mas se eles foram postos nos carros, é porque tem alguma importancia. A Redbull mandou aquela do carro bigorna. E se der certo, todo mundo vai querer copiar, assim como fizeram com o bico de bagre da maclaren. Os radades mais modernos foram inspirados e copiados doa morcegos. Por que não copiar ou se inspirar nos animais?
    Só espero que não criem o carro-baleia.
    Abraço a todos.
    Paulo Santos/RJ

  18. Anonymous disse:

    Tem gente aqui que chora mais que o Alonso só porque o Capelli tem a sua opinião sobre a aerodinâmica dos carros.
    É uma questão de opinião e um desejo pessoal que ele retrata,o blog é dele e ele posta o que bem pensar.
    Se for argumentar algo,que seja com educação,porque cada um tem sua opinião sobre o assunto.

  19. Joao Cruz disse:

    Capelli depois de toda a gente lhe ter dado uma “achega” quando deu a sua opinião contra as inovações da Red Bull e voce se mostrou a favor da padronizção dos F1 em 2009, voce ainda continua a insistir que os “penduricalhos”, como lhe chama, devem acabar?
    Afirmo que pessoalmente gosto imenso deste carro. É completamente diferente de todos os outros e esses “penduricalhos” nao estão lá so por estar, têm alguma função certamente! Eu questiono: Capelli você é adepto da NASCAR Series? É que la os carros são todos iguais e não têm apendices aerodinamicos nenhuns…

  20. Rafael disse:

    Fala Capelli,
    Tava fuçando no youtube e encontrei esse video:
    http://www.youtube.com/watch?v=w2wYoKsdtj0&feature=related
    Vale a pena conferir.
    Se não entender o audio, dá pra acompanhar pela legenda.
    Abraço!

  21. Lucas Israel disse:

    A McLaren resolveu enfiar calotas também nas rodas dianteiras. consegue ser mais feia que a da Ferrari.
    Olhando as fotos dos testes em barcelona no site da F1, notei que a fase da Honda é tão ruim que até incêndio pequeno no carro do Barrichello teve. Que fase hein!

  22. Odin disse:

    Tem o carro bigorna da Red Bull tbm q eh outro diferente por ai…
    olha eu tenho uma opiniao diferente,acredito q essas inovacoes aerodinamicas,servem como estudo e ponto motivador na concorrencia mecanica dos carros…acho q eh uma riqueza a mais…
    Eu ultimamente ando ligando mais pra mecanica dos carros do q pra corrida em si…mas sou excessão,mas eh soh meu comentario do outro ponto d vista…o estudo no caso.
    abraço e parabens pelo texto

  23. Tiago disse:

    Como que os pilotos da BMW fazem para entrar em um carro desse ? Em todo lugar do carro há um apêndice aerodinâmico, não da nem para apoiar no carro para poder entrar no cockpit.

    Daqui a pouco estão içando os pilotos para se acomodarem dentro do carro.

  24. André disse:

    A minha opinião, no caso da BMW, é que eles tem um desenho-base que precisa de muitas “correções”, e por isso recorrem a um aparente maior número de apêndices. Nota-se que a Ferrari é um carro esteticamente mais limpo e no entanto é mais rápido. Mas dizendo isso, eu não estou me contradizendo em relação aos posts anteriores, e sim sugerindo que a Ferrari acertou mais na conciliação do chassis-base com os apêndices do que a BMW.

    O que fere a vista ao olhar para o carro da BMW-Sauber é a sensação de desespero por parte dos engenheiros, mas isto não tem nada a ver com o fato de os apêndices serem bons ou maus.

  25. Anonymous disse:

    Tá parecdendo uma mistura de transformers com ultra seven ( lembram?). Não sei onde isso vai dar, mas parece, pelo menos até agora que a BMW Sauber vai dar uma de Honda.

    Paulo Santos/RJ

  26. André disse:

    Além do mais, este problema das ultrapassagens pode até ser um dos desafios em que uma equipe pode se destacar, conseguindo desenhar um chassis eficiente tanto com ar limpo quanto com ar sujo, desde que faça bom uso dos apêndices em conjunto com a aerodinâmica geral do carro. Obviamente é o que cada um está tentando fazer.

    O que talvez seja necessário é uma maior flexibilidade na regulamentação do chassis, permitindo que as equipes explorem um maior leque de soluções.

  27. André disse:

    Eu ainda estou por ver um técnico de qualquer uma das equipes vir dizer que a causa do problema das ultrapassagens é devida aos apêndices aerodinâmicos. Pode até ser que agravem o problema, mas até ver alguém especializado dizer o contrário, fico do lado de quem sugeriu que se redesenhassem as asas dianteira e traseira para solucionar o problema.

    Será que o suposto benefício aerodinâmico que um chassis limpo ganha nas ultrapassagens compensa a perda de eficiência global causada pela remoção dos apêndices? Tantos anos de túnel de vento e CFD já devem ter produzido um enorme nível de otimização dos chassis atuais sobre os “limpos”, tornando o carro mais equilibrado, mais seguro e mais fácil de pilotar, logo, mais rápido.

  28. Lucas Israel disse:

    Vai pra sapucaí que ainda dá tempo!
    Ainda bem que em 2009 acaba esse carnaval aerodinâmico, só falta a volta dos slicks pra ver se desaparece de vez esse festival de carros originados na Salgueiro ou Nenê de vila Matilde.

  29. Anonymous disse:

    Eu vi um desse no filme TRANSFORMERS ! ahhahaha

  30. José Miguel Gomes disse:

    Capelli, acabei de enviar email (com os devidos anexos) com as fotografias do Senna na Brabham, :)

    Abraço,
    Miguel

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>