MENU

25 de maio de 2008 - 12:36Curiosidades, Estatísticas

Depois de quase 40 anos, um inglês vence em Mônaco


A vitória de Lewis Hamilton hoje trouxe um gostinho especial aos torcedores ingleses. Desde Graham Hill, em 1969, um piloto do país não vencia o mais tradicional GP da Fórmula 1.

Durante muitos anos, a Inglaterra foi dominante no GP de Mônaco, com vitórias consecutivas de Stirling Moss e Graham Hill nos anos 50 e 60. O pai de Damon Hill, por sinal, ficou conhecido como Mr. Mônaco depois de cinco vitórias no principado em sete anos. Porém, desde que Graham subiu ao posto mais alto do pódio em 1969, nenhum piloto inglês havia conseguido repetir o feito.

Nestes quase 40 anos, no entanto, a Grã-Bretanha chegou a comemorar vitórias de Jackie Stewart e David Coulthard em Monte Carlo. Porém, ambos são pilotos de origem escocesa.

Comentários do Facebook

comentários

9 comentários

  1. F-1 A Lo Camba disse:

    a commonwealth è vàlida dependendo das circunstancias!! muita sacanagem
    o propio stirling Moss estava presente o domingo, muito simbolica a sua presença no dia de uma vitoria britanica,

  2. Anonymous disse:

    Parabéns para os ingleses e para a equipe Ferrari. O Hamilton merecia essa vitória já em 2007. E essa vitória a Ferrari tirou de Massa, esse ano, com toda finesse que lhe é peculiar.
    Abraço a todos.]
    Paulo santos/RJ

  3. Anonymous disse:

    Capelli,
    Me tira uma duvida. A McLaren foi excluida apenas da temporada 2007 ou na 2008 ela também não marca pontos para o mundial de construtores?
    Abraços!

  4. Felipe disse:

    Ao meu xará FELIPE.

    Tive a mesma impressão. O Alonso saiu dos boxes com as luzes vermelhas, tanto é que logo após a transmição mostrar ele entrando nos boxes, a câmera flagrou direitinho a luz vermelha acessa dentro dos boxes. Só resta saber se o Alonso esperou ficar verde, o que eu duvido muito porque ele não voltou lá atrás, ou se realmente decidiram não puni-lo. Realmente dificil de acreditar nisso (favorecimento) ou achar uma expliação plausível, porque foi muito estranho. Mas… Vamos ver se alguém acha algo a respeito disso. Abraço a todos!

  5. Felipe disse:

    Boa noite a tds!
    Gostaria de tirar uma duvida sobre a corrida.
    No primeiro Safety Car logo depois que as cameras mostraram as luzes do box vermelhas, fiquei com a clara impressão que algum dos que tavam andando lá na frente entrou pois tinha acabado de dar uma escapada, não lembro agora se foi o Hamilton ou o Alonso…mas na hora fiquei com essa impressão…mas depois n vi nenhuma punição acontecer que fiquei na dúvida. Devo ter me enganado.
    Alguém mais teve essa impressão?

    Se alguém tiver como rever esse momento da corrida e me falar se eu to viajando ou não. eu agradeço

    Saudações
    Felipe

  6. Esteban disse:

    Gracias por su censura.

  7. Daniel Médici disse:

    Putz, nem tinha lembrado disso. Mas os ingleses costumam torcer para a Grã-Bretanha como um todo… quando lhes convém!

    Por exemplo, para não ficarem atrás do Brasil em número de títulos mundiais na Fórmula 1, eles não contam os títulos ingleses e escoceses separadamente. Eles contam os britânicos.

  8. Hugo Becker disse:

    Fala Capelli!

    Bom, este jejum de 40 anos de vitórias inglesas serve até de parâmetro pra torcida brasileira, já que estamos a caminho do 16º ano sem vitória brasileira em Monte Carlo.

    Mas, você sabe qual é o motivo específico pelo qual a Grã-Bretanha corre sob a mesma flâmula na Fórmula-1, já que nos outros esportes “ingleses são ingleses”, “escoceses são escoceses” e assim por diante?

    Os números da Grã-Bretanha na Fórmula-1, unificados, causam até uma certa disparidade na comparação com países como Brasil e Alemanha… fica registrada a minha dúvida.

    Abraços!

    http://mottorhome.blogspot.com

  9. Capelli disse:

    Esteban, infelizmente tive de excluir seu comentário, devido a agressão a todo um povo.

    Você quer criticar Felipe Massa? Fique à vontade. Quer elogiar Alonso? Escreva o que quiser. Mas não use o espaço para tentar desonrar todo um país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>