MENU

24 de agosto de 2008 - 10:59Análises

Rapidinhas – GP da Europa

- Vitória fácil de Felipe Massa na corrida mais chata do ano. Monótona, sem ultrapassagens, sem brigas, sem nada. O circuito de rua de Valência frustrou não só a torcida espanhola – que viu Alonso abandonar na primeira volta – mas a todos que esperavam uma corrida emocionante. Eu incluso.

- Foi quase que um “Sunday drive” do brasileiro, que dominou a corrida sem dificuldades fazendo pole, vitória e melhor volta. O único risco à sua conquista foi a trapalhada no segundo pit stop, quando saiu antes da hora e quase bateu em Adrian Sutil. Os comissários investigam o caso que, creio, não deve dar em nada. Porém, a pouca vibração do engenheiro Rob Smedley e de Michael Schumacher ao término da corrida apontam para uma evidente preocupação.

- Caso o erro tenha sido da equipe, liberando o “pirulito eletrônico” antes da hora, creio que nada deva ocorrer além de uma punição administrativa. Porém, se a câmera onboard flagrar Felipe arrancando antes da luz verde… o brasileiro pode até perder a vitória. Mais informações nas próximas horas.

- Lewis Hamilton não tinha condições de acompanhar o ritmo da Ferrari, o que ficou claro logo após o primeiro pit stop. De forma madura, contentou-se com o segundo posto. Manter-se na liderança com 6 pontos de vantagem não é nada ruim.

- Robert Kubica voltou ao pódio pela primeira vez desde sua vitória no Canadá. Mesmo acumulando resultados ruins nas últimas quatro corridas, está em quarto na tabela, a apenas dois pontos de Kimi Raikkonen.

- Falando em Kimi, mais um motor da Ferrari vai pelos ares em fim de corrida, o segundo em duas provas. Outrora tão confiável, a equipe italiana parece estar voltando aos anos 80: bagunça interna, quebras mecânicas e mancadas sucessivas.

- O GP da Europa sinaliza na direção de um campeonato polarizado entre Massa e Hamilton. Os dois dominaram a corrida, como já vem acontecendo há pelo menos três GPs. Raikkonen, não bastasse ter ficado “desligado” durante toda a prova, ainda foi vítima de um erro de pit stop e de uma quebra de motor. Salvo uma grande exceção, daqui até o GP do Brasil a briga é entre os pilotos de casco amarelo.

- Sebastian Vettel, apesar de ter aparecido pouco, foi um dos destaques da corrida. Sexto com a Toro Rosso, esteve sempre na zona de pontuação e conquistou três pontos importantes. Com mais três, seu time alcança a Honda.

- David Coulthard, próximo da aposentadoria, é o bufão da temporada. Bate, roda e dá demonstrações de que já deveria ter parado antes. Graças a ele, aliás, Rubens Barrichello não chegou em último. Foi o piloto mais lento da pista, fez uma prova horrorosa, mas contou com as besteiras do escocês para terminar em penúltimo, 16º.

- Nelsinho Piquet ficou o tempo todo no meio do bolo, ganhou duas posições nos pit stops e chegou em 11º. Sua asa “boca de bagre” quebrou e, mesmo assim, manteve-se bravo na pista.

- Glock e Trulli marcaram pontos novamente para a Toyota, confirmando a equipe na quarta posição entre os construtores. Consistentes, os carros japoneses são uma agradável surpresa no campeonato. Mesmo assim, é pouco para o volume de dinheiro gasto.

- Entre os pilotos: Hamilton 70, Massa 64, Raikkonen 57, Kubica 55. Entre os construtores, com a quebra de Kimi, a McLaren encosta na Ferrari. 121 a 113.

- Próximo GP é na Bélgica, em Spa-Francorchamps. Raikkonen geralmente se dá bem no circuito e o traçado deve favorecer a Ferrari. Teremos, aí sim, uma boa corrida.

Comentários do Facebook

comentários

13 comentários

  1. Bernardo disse:

    Barrichello não foi o mais lento.. A estratégia não funcionou, mas a volta mais rápida de corrida dele foi melhor que a do Button. E ele tirou diferença para o inglês durante toda a prova, só que no circuito de Valência ninguém conseguiu passar….

  2. Erico disse:

    Dizer que Raikkonen geralmente se dá bem em Spa é um tremendo eufemismo. Ele venceu as últimas provas lá, 2007, 2005 e 2004. Spa para ele é como a Turquia para o Massa.

  3. Anonymous disse:

    Barrichello NÃO foi o mais lento da corrida. Foi mais rápido do que Coulthar, Sutil e registrou, inclusive, volta mais rápida do que Button…

  4. André disse:

    Não achei que a corrida foi chata. Certamente não foi a mais emocionante, mas gostei muito do novo circuito de Valência. O Felipe teve um fim de semana impecável. Para mim, lamentável é ver o Coulthard estampando o carro em cima dos outros. É inadmissível um piloto com a experiência que ele tem fazer manobras tão idiotas.

  5. Danilo disse:

    O ponto alto da corrida foi quando a camera mostrou uma gatinha no espaço da RedBull.. essa sim hein.. essa sim!

  6. Bruno disse:

    nossa. que LIXO de corrida. os carros se disperçaram depois de 3 voltas, e ficaram até o fim da corrida assim. espero que a GP2 tenha sido melhor (não vi).

  7. Anonymous disse:

    Outra coisa ruim da corrida, foi aquele trofeu que o Massa recebeu!!!
    Horrível! Era melhor ter recebido o que tinha o outro formato (que os outros receberam)

  8. Luiz G disse:

    Essa história do motor ficar estourando vai acabar custando caro…

  9. Anonymous disse:

    corrida chata mesmo, com grade vitoria do Felipe e o Kimi a tentar fazer de Albers!

  10. Anonymous disse:

    Inacreditável o quão ruim foi essa corrida.

    Arrisco dizer que desde 2004 não havia uma corrida tão ruim. Tão sem conteúdo.

    Mas os caras pagam…e Bernie fecha a cara com o maior prazer pra realizar corridas nesse circuito “cenográfico”, que só serve pra gerar belas imagens.

  11. Murillo disse:

    não vai acontecer nada, a Luz “Vermelha” que fica sobre o carro da ferrari é de responsabilidade da equipe, completamente diferente da luz da saida dos boxes(ali sim se o piloto errar ele é punido), se a equipe ou o piloto cometeu um erro, nada de muito sério deve acontecer, já que isso(quase acidentes nos boxes) já aconteceram várias vezes.

  12. Bruno Lemos disse:

    Graças a Deus o Felipe se salvou da incompetência da Ferrari nessa corrida.

    É foda, a equipe tem o melhor carro mas no resto faz serviço mau feito.

    Tanto o Massa quanto o Kimi sofreram demais com erros da equipe nesta temprada.

    Independentemente de quem levar o mundial de pilotos esse ano, acho que a equipe que mais merece o mundial de construtores é a McLaren.

    Capelli, daria para fazer um post comparando os maiores erros das duas equipes que dominam esta temporada da F-1?

  13. Anonymous disse:

    a respeito do nelsinho: toma tempo do alonso na classificação porque sai cheio de combustivel até a boca, para fazer uma só parada. no mano a mano acho que dá pra bater o alonso que parece que não quer concorrência……….

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>