MENU

3 de agosto de 2008 - 18:45Curiosidades, Estatísticas, História

Vencedor nº 100


Passei batido por essa, mas felizmente o Alexandre Queiros e o Newton me alertaram a tempo. Com a vitória de hoje na Hungria, Heikki Kovalainen passou a ser o 100º piloto a vencer um GP de Fórmula 1 na história, o quarto finlandês.

Curioso para conhecer a lista dos 100 vencedores? Então lá vai, agrupados por país, para não ficar uma lista gigante.

Nº de vencedores por país

19 – Grã Bretanha
Brooks, Button, Clark, Collins, Coulthard, Gethin, D. Hill, G. Hill, Hamilton, Hawthorn, Herbert, Hunt, Ireland, Irvine, Mansell, Moss, Stewart, Surtees, Watson
15 – Estados Unidos
Andretti, Bryan, Flaherty, Ginther, Gurney, Hanks, P. Hill, Parsons, Rathmann, Revson, Ruttman, Sweikert, Vukovich, Wallard, Ward
15 – Itália
Alboreto, Ascari, Baghetti, Bandini, Brambilla, De Angelis, Fagioli, Farina, Fisichella, Musso, Nannini, Patrese, Scarfiotti, Taruffi, Trulli
12 – França
Alesi, Arnoux, Beltoise, Cevert, Depailler, Jabouille, Laffite, Panis, Pironi, Prost, Tambay, Trintignant
6 – Brasil
Barrichello, E. Fittipaldi, Massa, Pace, Piquet, Senna
5 – Alemanha
Frentzen, Mass, M. Schumacher, R. Schumacher, Von Trips
4 – Finlândia
Hakkinen, Kovalainen, Raikkonen, Rosberg
3 – Argentina
Fangio, González, Reutemann
3 – Áustria
Berger, Lauda, Rindt
3 – Suécia
Bonnier, Nilsson, Peterson
2 – Austrália
Brabham, Jones
2 – Bélgica
Boutsen, Ickx
2 – Canadá
G. Villeneuve, J. Villeneuve
2 – Nova Zelândia
Hulme, McLaren
2 – Suíça
Regazzoni, Siffert
1 – África do Sul
Scheckter
1 – Colômbia
Montoya
1 – Espanha
Alonso
1 – México
Rodriguez
1 – Polônia
Kubica

Comentários do Facebook

comentários

12 comentários

  1. rrzauli disse:

    500:

    1950 Johnnie Parsons, 1951 Lee Wallard, 1952 Troy Ruttman, 1953 e 1954 Bill Vokovich, 1955 Bob Sweikert, 1956 Pat Flaherty, 1957 Sam Hanks, 1958 Jimmy Bryan, 1959 Rodger Ward, 1960 Jim Rathmann.

    Total: 10 vencedores

    outras corridas de Formula 1:

    Mario Andretti: 12 vitórias
    Richie Ginther: 1 vitória
    Dan Gurney: 4 vitórias
    Phil Hill: 3 vitórias
    Peter Revson: 2 vitórias

    Total: 5 vencedores

    PS= Nenhum vencedor de 500 Milhas de Indianápolis venceu outro Grande Prêmio, i.e: no tempo em que as 500 Milhas valiam por um.

  2. rrzauli disse:

    como é a listas dos EEUU sem os caras das 500 milhas?

  3. Felipe disse:

    Incrível um país como os EUA, sem tradição alguma na F-1, ter mais pilotos com vitórias que o Brasil…

  4. Edson disse:

    Além de ser o nº 100 o Kova stá em muito boa campanhia. São sempre 4 títulos mundiais…

  5. Lucas Israel disse:

    Duro é acreditar que uns caras tipo Brambilla, e Mass ganharam corridas. É de doer!

  6. Anonymous disse:

    Daniel Mauricio, o Keke Rosberg é finlandês por nascer na Finalãndia. O Nico Rosberg é alemão por nascer na Alemanha.

  7. Filipe Furtado disse:

    Leo, 1982 teve 11 (!) pilotos conquistando ao menos uma vitoria e 18 pilotos com ao menos um podium.

  8. Danilo disse:

    Irvine era da Irlanda do norte, que pertence a Inglaterra. Keke nasceu na Suécia mas era finlandes.

  9. Leo disse:

    Capelli,

    Desconfio que esta seja a temporada em que, comparada aos anos anteriores, mais pilotos diferentes subiram ao pódio.

    E quanto às vitórias?

    Abracos

    leopacheco
    http://www.leopacheco.com.br

  10. Raul disse:

    Interessante ver o “aproveitamento” do Brasil, da Finlância e da Argentina. Temos mais campeões, com menos pilotos vencedores. Isso dá dá outra estatística para fazer.

  11. Prblanco disse:

    Por um momento a memória falhou e assustei vendo Rosberg na lista de vencedores finlandeses…

  12. Arthur disse:

    Colocou a Irlanda dentro do Reino Unido? O Irvine tá na lista do UK, Capelli =p

    Estranho ver tantos pilotos dos EUA…A maioria ganhou as 500 milhas nos anos 50/60, certo?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>